O que é um marketplace? E por quê faz sentido para o varejista físico?

O que é um marketplace? E por quê faz sentido para o varejista físico? 600 350 Marcos Nannetti

O Marketplace nada mais é do que um Shopping Center no mundo virtual! Ele reúne diversas lojas com uma infinidade de produtos em um só lugar. Mas quais são as vantagens do marketplace para o varejista?

Esse modelo de negócio consegue prestar uma série de serviços para a sua empresa, como, por exemplo, divulgação e logística, justamente as 2 maiores dores enfrentadas pelos lojistas virtuais. Se interessou? Então, siga com a gente e descubra o que é e quais as vantagens do marketplace.

Quais as vantagens do marketplace para o varejista físico?

As principais diferenças entre possuir uma loja virtual (e-commerce) e entrar no mundo virtual via marketplace está no esforço que o varejista irá empreender. Para montar a sua própria loja, o varejista vai ter que:

  • Escolher uma plataforma;
  • Adequar esta plataforma para sua maneira de vender os produtos;
  • Preocupar-se em gerar tráfego e fluxo constante de visitantes;
  • Escolher uma empresa de meio de pagamento;
  • Garantir a segurança contra fraude;
  • Cuidar de toda a cadeia de distribuição e logística;
  • Ter um  departamento de SAC (serviço de atendimento ao consumidor)

Tudo isso para ficar no básico. Já nos marketplaces, vários destes serviços estão inclusos no preço cobrado ou estão pré-formatados na plataforma disponibilizada, facilitando o aprendizado e o início da caminhada do varejista físico no mundo on-line. E essas são apenas algumas das vantagens do marketplace. Veja outros pontos positivos desse modelo de negócio:

1) Visibilidade:Os Marketplaces possibilitam que você exponha os seus produtos em sites que já tem um nome forte no mercado de e-commerce e que recebem milhares de visitas todos os dias.
2) Estrutura: o Marketplace oferece ao varejista toda uma estrutura já montada. Assim, você não precisa se preocupar com funcionalidades, códigos, segurança e integração com
meios de pagamento, por exemplo.
3) Baixo investimento: como já dissemos, para entrar no varejo virtual é necessário levar em conta uma série de questões. Uma das vantagens do marketplace é não precisar se preocupar com isso. Com apenas o pagamento de uma comissão, você expõe seus produtos e ganha tráfego e visitação.
4) Relevância em SEO: as ferramentas SEO são um conjuntos de estratégias que garantem uma boa colocação nos resultados de busca na web. Os marketplaces fazem um importante investimento nesse tipo de ferramenta e consequentemente a sua loja e os seus produtos se beneficiam com essa visibilidade.
5) Diversificação de público: os consumidores que chegam aos marketplaces são bastante diversos. Isso possibilita que um público diferente tome conhecimento e tenha acesso aos produtos. Dessa forma, novas demandas surgem e seu negócio se amplia e chega a novos nichos.

Para conhecer outras vantagens do marketplace, confira este vídeo com o especialista e professor de e-commerce, Thiago Borba:

Nem tudo é perfeito: algumas desvantagens do marketplace

Como vimos existem muitas vantagens em entrar no mundo virtual através de grandes sites de marketplace. Mas como nada é perfeito, existem sim alguns pontos negativos que são importantes de serem considerados. Conheça alguma desvantagens do marketplace:

  • Comissão: Para oferecer todos os serviços que oferecem os Marketplaces, os sites cobram uma comissão pelas vendas realizadas. Embora esse valor seja cobrado apenas quando você vende, ainda assim é preciso considerar que afeta a margem de lucro.
  • Modelo pré-formado: esse ponto que é uma das vantagens para quem está entrando no mundo virtual, pode se transformar em um ponto negativo para quem quer mais liberdade criar o modelo do seu negócio.
  • Personalidade da Marca: é difícil manter a identidade da sua marca vendendo em um marketplace. Ainda que a plataforma, identifique sua loja na hora da venda do produto, o cliente associa em um primeiro momento a compra com o marketplace. É preciso pensar em estratégias específicas para fixar a marca na mente do consumidor e gerar uma recompra.

Por que o varejista não entende o valor cobrado pelo marketplace?

Entre as desvantagens do marketplace, a comissão é um ponto que gera muita insatisfação entre os lojistas. Muitos varejista tradicionais se assustam com o valor da comissão cobrada pelos marketplaces e sempre questionam que o valor é muito alto para simplesmente “vender” os produtos. A lógica por trás desse pensamento é a comparação com a comissão que ele paga ao vendedor. 

Este tipo de questionamento é perfeitamente compreensível porque muitos varejistas ainda não sabem tudo que é necessário para se ter uma presença relevante no mundo virtual. Só é possível entender realmente quando começamos o nosso próprio esforço para fazer parte deste novo mundo. 

O que eu digo sempre para eles é que o marketplace é a forma mais simples e rápida de se adquirir conhecimento do que é realmente o varejo digital e suas possibilidades. É através desse modelo de negócio que o varejista físico vai entender o que é necessário para se ter sucesso neste novo formato. E, mais que isso, vai entender como construir uma conexão entre o mundo virtual e físico, o famoso omnichannel. Só assim a sua operação irá prosperar e crescer neste novo contexto.

Usando as vantagens do Marketplace a seu favor!

Mas como usar a vantagens do marketplace a seu favor? Agora que já sabemos o que é o Marketplace, fica claro que é muito difícil brigar de igual para igual com esse modelo de negócio. Os volumes investidos em marketing digital e a quantidade de engenheiros de software contratados para garantir um fluxo constante de clientes são inimagináveis para um varejista. 

Bom, se não podemos com eles, vamos ganhar junto com os Marketplaces – da mesma forma que muitos varejistas ganharam com a entrada dos shoppings centers no mercado na década de 1980. A lógica e a estratégia de negócio muitas vezes terá que ser revista e adaptada à nova realidade, mas com certeza existe espaço a explorar!

Alguns clientes da Nérus estão usando o marketplace como uma ferramenta de promoção e liquidação dos saldos de estoques, outros para testar novos produtos. A nova moda de “compra e retira” já chegou em alguns marketplaces e também é uma forma bastante interessante de gerar fluxo na sua loja. 

Na semana passada fui comprar uma bebida e me surpreendi com um cartaz que dizia que aquela loja era ponto de distribuição de produtos das Lojas Americanas. Ou seja, o lojista já estava aproveitando a venda de outros varejistas para gerar tráfego na sua loja. 

Talvez estas ações não se encaixem na sua estratégia, mas com certeza você terá que pensar alguma outra que faça sentido para o seu negócio e, assim, explorar a força do novo varejo: rápido, integrado, dinâmico e mutável. Simplesmente porque o novo consumidor quer assim.

Nós da Nérus estamos aqui para ajudá-lo a pensar em alguma forma de fazer a integração dos mundos off-line e on-line dar certo para sua organização.

Agora que você já conhece as vantagens do Marketplace, descubra o que é o Nérus O2 e como ele pode ajudar o seu negócio!

O Nérus O2 é um super hub de integração de marketplace, hub de e-commerce e integrador de ERP que permite lojas físicas se tornarem lojas virtuais integradas ao maiores marketplaces do brasil sem trocar de software de gestão para varejo ou plataforma de e-commerce.

Gerencie seu estoque físico e virtual de forma integrada e suas vendas omnichannel de forma centralizada.

Assim, você digitaliza seu varejo, reduz custos operacionais e aumenta seu faturamento de forma prática e segura!

→ Conheça o Nérus O2 ←

Para mais informações, preencha o formulário abaixo e receba uma avaliação gratuita dos nossos especialistas!

Fale Conosco

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Compartilhe